sábado, 24 de outubro de 2009

JENNY MCCARTHY AFIRMA TER CURADO O AUTISMO DO FILHO




1-O actor americano, Jim Carrey, sua filha Jane, e a actriz americana, Jenny McCarthy, seguram fotos do filho de McCarthy, Evan, que foi diagnosticado com autismo, durante a marcha ‘Green Our Vaccines’ (Torne verde nossas vacinas, em tradução livre), em Washington, DC. A marcha foi organizada por grupos que querem a eliminação das toxinas de vacinas para crianças.
In O Futuro do Presente

2-Jenny McCarthy actriz e namorada do actor Jim Carrey disse que acredita que o autismo do seu filho foi desencadeado por vacinas que ele recebeu quando era um bebé - e ela ajudou a aliviar a condição alterando sua dieta.
Evan, filho de Jenny com o ex-marido John Asher, foi diagnosticado com a doença em 2005, quando tinha três anos de idade, recentemente Jenny escreveu um livro sobre o tema relatando sua experiência, "Louder than Words: A Mother's Journey em Healing Autism".
No programa de entrevistas Larry King ela disse recentemente: "Muitas dessas crianças têm Cândida, que é supercrescimento de levedura. Depois que eu limpei o intestino do Evan colocando para fora toda a Candida - e eu vou dizer isto muito claramente - ele se tornou uma criança típica". "Ele começou a falar completamente. Seu desenvolvimento social retornou. Ele está agora numa escola para crianças típicas. Ele está entendendo tudo muito melhor. E a minha história não é a única. "
"Em 1983, o calendário de vacinas era de 10. Dez vacinas dadas. Actualmente, há 36, e um monte de gente que não sabe disso. Não acredito que as vacinas sejam a única causa para o autismo. Eu acredito que elas possam ser um gatilho. Há alguma coisa que enfraquece o sistema imunológico dessas crianças, e elas talvez não possam processar as vacinas.
"Eu não acho que sejam exclusivamente as vacinas. Acho que são as toxinas que existem no ambiente e os pesticidas. É como uma espécie de cúmulo de factores. Se você puder encher um balde de todas as coisas que acontecem com essas crianças, se elas tiverem um fraco sistema imunológico, claro que toda esta porcaria vai sobrecarregar ".
Notícia extraída do site Fametastic in O Mundo de Peu

3-A actriz e modelo Jenny McCarthy conta à revista Us Weekly que conseguiu curar seu filho do autismo. Apesar das críticas da Academia Americana de Pediatria, que afirmam ser impossível, ela tem certeza de que seu filho Evan, de 6 anos, foi curado com uma dieta sem pães e leite.
McCarthy acredita que uma vacina MMR foi a culpada pelo diagnóstico do garoto, pois foi após receber a dose que ele passou a mostrar os sintomas de autismo. “Antes da vacinação ele abraçava todo mundo, era carinhoso. Depois disso parecia que alguém tinha vindo e roubado ele”. Desesperada, a actriz rezou muito: “eu fiz um acordo com Deus. Eu disse ‘se Você curar o meu menino, Você me mostra uma maneira e eu ensino o mundo todo a fazer o mesmo’”. Ela parou de dar pão e leite para ele e em pouco tempo teve resultados. Evan estava vendo o desenho Bob Sponja e riu. “Eu ouvi Evan rir... eu pulei da cama e comecei a gritar. Quando ele finalmente me abraçou, eu rezei ‘por favor Deus, não deixe que esta seja a única vez’”, conta. Hoje, Jenny virou porta voz da doença e escreveu cinco livros que já são bestsellers – o último é “Mães Guerreiras: uma nação de pais que curam o autismo contra todas as possibilidades” (tradução livre).
In Electrostars

Assista ao debate sobre o autismo com Jenny McCarthy e Jim Carrey no programa televisivo Larry King Live.

Leia mais sobre as vacinas e o autismo:
Em busca de vacinas mais seguras.
Vacinas provocam Autismo?
Autismo e vacinação infantil.
O tema vacinas/autismo é polémico e nada consensual. Como tal, deixo-vos mais duas opiniões absolutamente contraditórias: aqui e aqui.

Sem comentários:

Enviar um comentário